Início » Noticia » Arcon monitora qualidade dos serviços de travessia nos portos para Barcarena
  • Increase
  • Decrease

Current Size: 100%

Arcon monitora qualidade dos serviços de travessia nos portos para Barcarena

 

A Agência de Regulação e Controle dos Serviços Públicos do Estado do Pará (Arcon-Pa) continua com equipes de fiscalização de plantão nos portos  de Belém monitorando os serviços de  travessia de balsas para Barcarena. São  observadas a obediência às prioridades na travessia,  as condições das embarcações e os valores tarifários cobrados pelas operadoras. A força-tarefa da Arcon vem sendo realizada  desde   06 de abril, data do incidente da queda da Ponte do Rio Moju, como forma de amenizar os impactos sofridos pela população paraense.

  Para atender o grande fluxo de veículos que se deslocam  para  Barcarena com destino à região nordeste do Estado, estão em operação  quatro portos: o  Porto  da Celte (veículos pesados),  Henvil ( veículos leves) , Arapari ( veículos pesados), ambos  na avenida Bernardo Sayão e o Porto do Comara ( pesados), na Arthur Bernardes. O Porto de Icoaraci que estava sendo utilizado para desafogar a travessia dos veículos pesados foi substituído pelo porto da Comara, para que   receba   obras de revitalização visando atender a demanda do mês de julho, período de férias escolares, quando o fluxo de viagens para a região do Marajó se intensifica.

            Força-tarefa Arcon / Ponte  do Rio Moju:

•          Equipes de fiscalização de plantão nos portos.

•          Quatro portos em operação em Belém para atender o fluxo  de veículos para fazer a travessia  com destino a região nordeste do Estado.

•          Porto  da Celte (veículos pesados),

•          Henvil ( veículos leves)

•          Arapari ( veículos pesados),ambos  na avenida Bernardo Sayão

•          do Comara ( pesados), na Arthur Bernardes

•          Em Barcarena dois portos para travessia:

*Porto do Arapari ( leves e pesados)

 *Porto do Trambioca ( leves e pesados) 

•          Instalação de banheiros químicos para atender os motoristas que aguardam a travessia nos portos.

•          13 balsas  em operação garantindo a travessia

•          Representantes das empresas operadoras das  balsas receberam treinamento para utilizar o aplicativo Navega Aqui.

 

A Arcon conta com equipes de fiscalização nos portos. Os usuários também podem fazer denúncias e reclamações por meio do número da Ouvidoria do 0800911717